Conteúdo online na advocacia: por que é essencial

Conteúdo online na advocacia: por que é essencial

Criar conteúdo online na advocacia é essencial, especialmente para os advogados que pretendem desenvolver seu marketing digital.

Isso porque o conteúdo online, além de ser um excelente recurso para atrair novos visitantes para os canais digitais do escritório (site e redes sociais, por exemplo), é primordial para construir autoridade e conquistar a confiança do público-alvo.

Além disso, produzir conteúdo online na advocacia é a melhor forma de fazer marketing totalmente dentro das permissões do Código de Ética da OAB.

O que é conteúdo online na advocacia?

Basicamente, quando mencionamos conteúdo online na advocacia, referimo-nos, de forma ampla, àquele conteúdo de texto e/ou de imagem publicado em diversos canais digitais, como blogs, redes sociais, newsletter, e-mail marketing, etc.

Entre os objetivos do conteúdo online, está fazer o canal digital ser encontrado pelos usuários da internet, oferecendo-lhes, em troca, informações, ferramentas, utilidades ou entretenimento de seu interesse.

O conteúdo online na advocacia, portanto, é um dos principais pilares do marketing jurídico. Para entender melhor, leia sobre o marketing de conteúdo jurídico nesse texto aqui.

Mas criar conteúdo é realmente necessário?

Produzir conteúdo online na advocacia é muito mais do que uma simples tendência, pois o conteúdo tem se consagrado como a mais valiosa “moeda de troca” no universo digital.

Cada vez mais, as pessoas buscam informações na internet sobre absolutamente tudo, mesmo que seja um assunto complexo, como medicina, engenharia ou Direito, por exemplo.

Por conta dessa busca por informações, diversos profissionais e empresas já perceberam que, quando publicam conteúdo relevante e que seja realmente útil e completo para os interessados, acabam atraindo mais clientes por meio da internet.

Por isso, o conteúdo tem tanto valor. Pois quando bem planejado e certeiro, é possível atrair um público bastante específico, que se encaixe perfeitamente no perfil ideal da empresa ou do escritório de advocacia que publica conteúdo online.

Sabendo disso muito bem, as gigantes da internet, como Google e Facebook, por exemplo, estão caminhando numa direção que favorece, ainda mais, a produção de conteúdo online relevante.

O que as gigantes estão fazendo?

Nós chamamos de “gigantes” as empresas como o Google e o Facebook, pois, além de seu grande porte, com presença mundial, são capazes de mudar o comportamento de grande parte dos usuários da internet em todo o planeta.

Essas empresas oferecem ferramentas como buscador online, anúncios, armazenamento de arquivos, etc. E, obviamente, são elas mesmas que definem como essas ferramentas podem ser usadas pelos internautas.

Leve em consideração que 90% das pesquisas online no Brasil são feitas no Google e também que 62% da população brasileira está ativa nas redes sociais.

Por isso, quem pretende criar uma presença online precisa estar atento às mudanças que esses canais estão realizando, pois são essas mudanças que determinarão quem irá se destacar no universo digital.

Conteúdo online na advocacia - o que as gigantes estão fazendo

Veja algumas mudanças recentes

O Instagram, que é uma das maiores redes sociais ativas e também pertence ao Facebook, pretende mudar alguns de seus recursos, como omitir o número de curtidas que aparecem nas postagens.

Consequência disso será aumentar o valor do conteúdo postado em vez de incentivar conteúdos pobres que só visam às curtidas, além de eliminar de vez as curtidas “compradas”.

Apenas quem publicou a postagem saberá o número de curtidas que recebeu, mas os demais usuários não serão mais influenciados por essa métrica e, com isso, espera-se que o conteúdo da postagem seja o único fator determinante para o engajamento.

O Google, principal ferramenta de busca online, realiza, constantemente, atualizações em seus algoritmos para relacionar os sites que aparecem como resultados relevantes nas pesquisas.

Pelas últimas atualizações de seus algoritmos, percebe-se que o Google tem colocado na primeira página de resultados aqueles sites com maior autoridade e perícia no assunto e que entregam conteúdo mais completo, relevante e útil para o usuário.

E não somente os resultados orgânicos do Google são afetados pela qualidade do conteúdo, como também são os anúncios. Não pense que pagar por um anúncio no Google irá colocar você, automaticamente, numa posição privilegiada apenas por dar um lance alto.

O Google considera a classificação do anúncio para colocá-lo numa posição melhor na página de resultados, e essa classificação inclui a qualidade do conteúdo na página de destino do anúncio.

Perceba que todas essas atualizações realizadas pelas gigantes da internet privilegiam o conteúdo e, obviamente, aqui está incluído o conteúdo online na advocacia.

Por que isso está acontecendo?

Tudo isso mostra o caminho que a internet está tomando, deixando de lado “as aparências” e os conteúdos superficiais, para dar mais valor aos conteúdos que sejam realmente úteis para os usuários da rede.

Até há alguns anos, bastava encher seu site com notícias e textos quaisquer para aparecer nos resultados de busca no Google. Você já deve, inclusive, ter passado pela experiência de procurar uma determinada informação e acabar acessando um site (listado nos resultados da sua busca), que não continha a informação buscada ou era muito superficial no assunto, não é mesmo?

Isso é prejudicial para os usuários da rede e, também, para o próprio Google ou redes sociais que assumem a responsabilidade de entregar para as pessoas os resultados mais relevantes.

Mas podemos concluir que, daqui para frente, somente “sobreviverá” na rede aquele site que criar conteúdo realmente relevante e que seja autoridade no assunto.

Assim, todos saem ganhando, pois o usuário terá acesso mais rápido ao site que lhe entregue a informação que buscava e esse site ganhará um possível admirador que, futuramente, poderá se tornar um cliente de seus produtos ou serviços.

Conteúdo online na advocacia - a advocacia nesse cenário

Onde está a advocacia nesse cenário?

A advocacia ainda é muito “tímida” na internet. Considerando que, atualmente, existem cerca de um milhão e duzentos mil advogados no Brasil, somente uma pequena parcela possui site profissional.

Percebe-se, também, que entre as publicações de conteúdo online na advocacia, pouquíssimas são exclusivas e criadas pelo próprio escritório e ainda mais raros são os conteúdos com uma linguagem que atinja seu público-alvo e que utilizam técnicas de SEO.

Diante disso, percebemos que a advocacia precisa tomar seu espaço na internet já sabendo da grande importância que tem o conteúdo de qualidade e, mais do que isso, sabendo como realizar o marketing de conteúdo jurídico de forma eficaz.

Sem esse conhecimento, os advogados que buscam realizar marketing digital atualmente correm o risco de perderem muito tempo e investimentos, pois de nada adiantará ter um site ou fazer anúncios sem produzir conteúdo relevante para o público-alvo.

O que os advogados podem e devem fazer?

Nesse cenário, diante da grande importância do conteúdo online na advocacia, o escritório deve aproveitar esse vasto campo aberto, com baixíssima (quase inexistente) concorrência online.

O advogado mais antenado e ágil terá enorme vantagem sobre aqueles que perceberem a importância do conteúdo somente quando ela se tornar muito mais óbvia, pois aí será tarde demais.

Destacamos que o marketing de conteúdo não traz resultados instantâneos. É necessária grande quantidade de publicações de conteúdo online na advocacia, bem como técnicas de SEO e um bom planejamento do funil de vendas.

Bem por isso, os escritórios que agirem agora irão largar na frente da concorrência e poderão conquistar uma autoridade online com muito mais facilidade.

Responda com sinceridade: Você gostaria de ser reconhecido no universo online como a maior autoridade na sua área de atuação e ampliar a quantidade e qualidade dos seus clientes?

Se você respondeu sim, agora responda: O que você está fazendo hoje para isso acontecer de verdade?

Reflita sobre isso! E se mantenha informado sobre tudo relacionado ao marketing de conteúdo para escritórios de advocacia. Quanto mais informações, mais técnica você terá para desenvolver seu marketing digital de forma eficiente.

A boa notícia é que o blog da Prospecter é constantemente abastecido com informações úteis e completas sobre marketing de conteúdo jurídico. Acesse e aprenda tudo o que precisa para alcançar bons clientes online.

Deixe uma resposta