Marketing de Conteúdo Jurídico: o que é e quais as vantagens

Marketing de Conteúdo Jurídico: o que é e quais as vantagens

O Marketing de Conteúdo Jurídico é novidade para você? Atualmente, uma das tarefas mais relevantes na gestão dos escritórios de advocacia é a aquisição de novos prospectos, bem como a transformação desses prospectos em clientes reais.

Nas últimas décadas, a internet vem ganhando cada vez mais força e presença no mundo jurídico, não só para fornecer produtos e serviços úteis aos escritórios, mas também como o principal canal para que eles possam alcançar novos prospectos e fortalecer seu nome.

É aqui que entra a importância do Marketing de Conteúdo Jurídico. Afinal, não se pode negar a necessidade de se aplicar estratégias de marketing online que sejam verdadeiramente eficazes no Direito, que estejam de acordo com o Código de Ética da OAB e que cumpram a tarefa de atrair verdadeiros clientes.

O que é Marketing de Conteúdo Jurídico?

Entre as estratégias de marketing digital voltadas aos profissionais do Direito, o Marketing de Conteúdo Jurídico se destaca como a principal delas em razão de sua forma, funcionalidade e resultados.

O Marketing de Conteúdo Jurídico é espécie do “marketing de conteúdo” que, há alguns anos, já é uma das principais estratégias de marketing digital no mercado de consumo.

Essa estratégia é voltada à produção de conteúdos online para o público-alvo do escritório de advocacia, com o objetivo de informá-lo, educá-lo, ajudá-lo a reconhecer e solucionar determinadas questões jurídicas e, também, auxiliá-lo no processo de escolha e contratação de serviços jurídicos.

É por meio, justamente, da criação desses conteúdos que o prospecto tem mais chances de encontrar o escritório de advocacia online, de forma orgânica e espontânea.

Deve-se levar em consideração que, nessa estratégia, os materiais produzidos (artigos, e-books, postagens, etc.) devem ser relevantes ao público-alvo. Trata-se de uma estratégia diferente do marketing tradicional que promove explicitamente uma marca, pois não se trata de divulgar o escritório, mas, sim, de entregar informações que seus prospectos precisam para conhecer e solucionar problemas.

Assim, o escritório de advocacia se torna autoridade no assunto e ganha a confiança do prospecto, aumentando muito as chances de ele se tornar um cliente e, também, desse cliente se tornar um fã do escritório, indicando-o aos seus conhecidos.

Em razão das limitações impostas pelo Código de Ética da OAB, que impedem a publicidade explícita, o Marketing de Conteúdo Jurídico é a principal estratégia de marketing digital permitida atualmente, por conta de seu caráter informativo.

Como aplicar o Marketing de Conteúdo Jurídico?

Ao aplicar uma estratégia de Marketing de Conteúdo Jurídico, o escritório deve focar na criação de conteúdos de qualidade, ou seja, que sejam verdadeiramente úteis e relevantes ao seu público-alvo.

Os conteúdos podem ser produzidos em forma de textos para blog, posts em redes sociais, e-books, vídeos e newsletter, por exemplo. Quanto mais formatos forem aplicados, melhor, visto que determinadas pessoas preferem consumir conteúdos escritos bem aprofundados, alguns preferem ver imagens acompanhadas de informações objetivas, outros preferem assistir a vídeos, etc.

O meio de entrega desses conteúdos também pode variar. O escritório de advocacia pode manter um blog, uma FAQ, newsletter, perfis em redes sociais, etc. É de extrema importância conhecer bem o seu público-alvo e saber por quais canais eles preferem manter um relacionamento com o escritório de advocacia, aumentando-se, assim, as chances de engajamento.

Além disso, deve-se sempre observar as regras do Código de Ética da OAB, mantendo-se atento ao que não fazer no Marketing de Conteúdo Jurídico, respeitando sempre “os 4 pilares da publicidade na advocacia” e, assim, evitar que o escritório de advocacia fique sujeito a sanções administrativas.

As vantagens do Marketing de Conteúdo Jurídico para o escritório de advocacia

Muitas são as vantagens de se aplicar o Marketing de Conteúdo Jurídico no escritório de advocacia. Entre elas, destacam-se:

Aumento da visibilidade do escritório na internet

Segundo um estudo divulgado pela empresa Rock Content em 2018, as empresas que aplicam as estratégias de marketing de conteúdo têm, em média, 2,6 vezes mais visitantes e 3,7 vezes mais prospectos em relação a outras empresas que não aplicam essa estratégia.

Essa pesquisa foi realizada com empresas do mercado de consumo, que ainda podem utilizar outras diversas formas de publicidade explícita.

Apesar de ainda não existirem dados específicos em relação aos escritórios de advocacia, considerando-se as limitações à publicidade impostas pelo Código de Ética, é certo que o escritório que aplica essa estratégia terá ainda mais visualizações em relação aos demais.

Afinal, um site jurídico que não possui conteúdo, não recebe tráfego orgânico, ou seja, só receberá visitantes que procurarem diretamente pelo nome daquele escritório de advocacia ou, ainda, por meio de anúncios pagos. E ainda que receba visitas por anúncios pagos, não terá conteúdo relevante para chamar a atenção e fidelizar os visitantes. 

Nutrição de prospectos

Ainda que existam vários prospectos interessados nos serviços oferecidos pelo escritório, é verdade que muitos deles ainda não estarão “maduros” o suficiente para fechar um contrato de prestação de serviços jurídicos.

Ao invés de ignorar ou descartar esses prospectos, o escritório pode mantê-los nutridos com informações relevantes, assim, eles descobrem e reconhecem as dores que possuem, bem como para que eles considerem encontrar uma solução, que seria, após ter firmado sua confiança no escritório, contratar um dos serviços disponíveis. 

Redução dos custos na obtenção de prospectos

O Marketing de Conteúdo Jurídico atrai, por tempo indeterminado, um número ilimitado de prospectos para a página do escritório de advocacia. Isso é o que chamamos de tráfico orgânico.

Muito diferente do tráfego pago, que se resume na atração de visitantes por meio de anúncios pagos. Nesse caso, em cada clique que o anúncio receber, o escritório irá pagar um determinado valor de anúncio, sem qualquer garantia de que o visitante esteja mesmo buscando pelos serviços oferecidos por aquele escritório.

Geração de autoridade na área de atuação

Produzir conteúdos jurídicos gratuitos realmente úteis e relevantes, que falem sobre assuntos de interesse do público-alvo, e não apenas sobre as características do escritório de advocacia, entrega mais valor aos prospectos.

Essa é a receita que tem como resultado ganhar a confiança de seus prospectos e se tornar autoridade numa determinada área do Direito.

E ser lembrado como autoridade significa aumentar muito as chances de fechar mais e melhores contratos, ou seja, não só um aumento no número de clientes, como também no valor dos honorários em cada nova contratação.

Ampliação da experiência do cliente

Ampliação da experiência do cliente pós-contratação

Tornar-se autoridade na sua área de atuação, aumentando o número de prospectos e de clientes já é excelente. Mas pode ficar ainda melhor!

Manter seu cliente bem informado após a contratação de seus serviços, não apenas em relação à causa dele, mas também sobre outros temas relacionados, solucionando dúvidas, levando mais informação útil e estreitando o relacionamento com determinada frequência pode transformar seu cliente em um fã.

Uma vez que seu cliente se sente seguro de que fez um ótimo negócio ao contratar seu escritório e, ainda, tem como bônus uma experiência pós-contratação incrível, é natural que ele se torne um propagador do seu nome, indicando-o a outras pessoas, sentindo-se orgulhoso de ter escolhido seu escritório de advocacia. 

O Marketing de Conteúdo Jurídico hoje

Se o Marketing de Conteúdo Jurídico tem como objetivo atrair mais prospectos para o site do escritório e, a partir daí, criar engajamento e transformá-los em clientes, a forma mais eficiente disso acontecer é estando entre as primeiras posições nos sites de pesquisas, como o Google.

Quem aparece entre as 5 primeiras posições tem muito mais chances de receber cliques desses visitantes. E estar entre essas posições não é tarefa simples!

Os algoritmos dos sites de pesquisa, especialmente o Google, trazem para essas primeiras posições os sites e conteúdos que possuem determinadas características, permitindo que a pessoa que realizou a busca encontre o melhor conteúdo possível sobre o assunto que ela buscou.

Entre essas características estão: a frequência com que aquele site publica conteúdos sobre determinado tema, a quantidade e qualidade de conteúdos já publicados pelo site, a quantidade de visitas que recebe mensalmente e se o site utiliza técnicas de SEO.

Atualmente, o número de escritórios de advocacia que aplicam essas estratégias é relativamente pequeno, mas é notório que a tendência é que esse número aumente muito nos próximos anos.

Estar presente na internet com conteúdos relevantes já é essencial e logo se tornará vital para qualquer negócio, inclusive os escritórios de advocacia. Portanto, é essencial aplicar as estratégias de Marketing de Conteúdo Jurídico o quanto antes. 

O futuro online do seu escritório de advocacia

Manter-se na velha e tradicional forma de aquisição de prospectos, seja distribuindo cartões de visita, confiando nas indicações de clientes e publicando um ou outro artigo, não será suficiente para a ascensão e sucesso dos escritórios de advocacia nos próximos anos.

A forma mais eficiente de se destacar na área de atuação é por meio da produção de conteúdo relevante na internet, onde estão (cada vez mais) os seus futuros e novos clientes.

A cada dia, mais pessoas estão conectadas e utilizam a internet para encontrar todos os produtos e serviços que precisam. Se essa já é uma realidade hoje, o que dizer dos próximos 5, 10 ou 20 anos?

Por isso, é essencial iniciar agora a produção de conteúdo jurídico útil e significativo. Dessa forma, construindo sua autoridade de forma sólida e duradoura, garantindo sua posição privilegiada nos sites de pesquisas e mantendo-se sempre em evidência, ou seja, totalmente preparado para o que vier no futuro.

E para você começar a investir na estratégia de Marketing de Conteúdo Jurídico hoje mesmo, confira 5 dicas que você precisa saber para começar seu blog. Aproveite também e confira nossos outros materiais sobre as melhores formas de você se destacar no mercado jurídico online.

Deixe uma resposta